Saiba como evitar conflitos entre diferentes gerações de vendedores

Sabia que você pode estar perdendo 12% em vendas? Principalmente se os seus funcionários forem de gerações diferentes e não estiverem se dando bem. Segundo uma pesquisa feita pela ASTD Workforce Development com 1.348 entrevistados, as empresas gastam até cinco horas por dia para gerenciar conflitos entre vendedores jovens e seniores. Isso pode afetar diretamente nas vendas. Se esse é o caso da sua loja, vamos ajudá-lo a resolver!

No momento existem basicamente três tipos de gerações de profissionais. Saiba a qual delas seus funcionários pertencem:

Geração “Baby Boomer

São bem conservadores, têm uma forte ligação com o trabalho e costumam fazer a carreira toda na mesma empresa. São os nascidos entre 1946 e 1964.

Geração X

Mais flexíveis, valorizam a liberdade e não se importam em mudar de emprego. Foram os primeiros a aprender a lidar com as novas tecnologias. Eles nasceram entre 1965 e 1980.

Geração Y

Adoram tudo que é relacionado tecnologia e valorizam muito a qualidade de vida. Tanto que isso pode ser um diferencial na hora de optar por uma empresa. São os nascidos entre 1980 e 1990.

Se na sua loja você tiver vendedores destas três gerações, é bem possível que possa haver conflito entre eles. A boa notícia é que você pode tirar proveito dessa situação e ainda aumentar suas vendas. Saiba como:

1 – Seja neutro

Se você pertence à geração “Baby Boomer”, por exemplo, evite defender quem é do mesmo “time”. Se houver algum conflito, ouça as partes e promova a reconciliação. Se for comprovada uma queixa, como por exemplo, o funcionário “geração y” sempre chega atrasado, converse com ele e, se necessário, dê uma advertência. Caso a queixa seja sobre um funcionário sênior, como por exemplo, “ele não quer aprender a usar o computador”, oriente-o sobre a necessidade dessa tecnologia e se possível diga a ele para que faça um curso.

2 – Promova o conhecimento

Toda geração tem muito a aprender com a outra. Por isso, promova reuniões para troca de experiências! Um funcionário “geração Y”, pode ensinar os truques do WhatsApp para um “Baby Boomer”. Em contrapartida esse pode passar técnicas de vendas durante a relação presencial com os clientes, ou seja, o velho e bom “olho no olho”.

3 – Dê espaço

Não deixe que as gerações formem “panelinhas”. Até para que haja a troca de experiências, é preciso que os funcionários de diferentes gerações convivam entre si. Isso pode acontecer casualmente, fora das reuniões. Uma boa dica é não deixar que os vendedores fiquem muito separados uns dos outros. Além disso, periodicamente faça com que eles troquem de lugar dentro da loja.

4 – Avalie

A melhor forma de avaliar um funcionário é a experiência 360 graus. Nela, o colaborador é avaliado por todos: desde os superiores, colegas até subordinados. Não se trata de uma “caça às bruxas”, mas sim de identificar os pontos fortes e fracos de cada um e trabalhar o que precisa ser melhorado. Depois que todos forem avaliados, faça uma reunião e, sem dizer nomes, diga em que ponto estão errando (e como reverter esses erros) e parabenize-os pelos acertos, reforçando as atitudes positivas.

Gostou das orientações? Não deixe que a diferença de idade entre seus funcionários atrapalhe suas vendas! Siga estas orientações e transforme possíveis conflitos em soluções!

Foto: FreePik

 

Share on Facebook11Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Share on LinkedIn0

Newsletter

Informe seu e-mail e receba nossos informatívos.

Obrigado por assinar nossa Newsletter!